CULTURA

  • Jorge Campos

mensagem de ano novo: cuidem-se



o ano de 2018 também deu para acrescentar alguns zeros à direita. o que se segue é dito sem malícia. o psd inaugurou uma fase multiplicada da alegoria de césar e bruto. facadas nas costas com notícias postas a circular uns contra os outros. santana saltou fora e ainda ninguém percebeu o que é a sua aliança. o ventura de loures quer a esterilização dos pedófilos, colou à extrema-direita e arranjou uma coisa chamada chega! cuja primeira iniciativa foi apelar ao mirabolante parar portugal. no grupo parlamentar fazem emboscadas uns aos outros e rio, apesar de tudo o menos insensato, não tem por onde desaguar. depois há o cds. aqui a situação é mais transparente porque o pensamento político dominante tem a espessura de uma folha de papel. está tudo mal e pronto. ouçam lá, amigos das agremiações da direita. não se ponham a pau e não tarda, em desespero de causa, andam todos de braço dado com a escória que há-de alimentar o partido do ex-companheiro ventura. cuidem-se. e bom ano.


31/12/2018

457 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo